CIDADES
Anunciante
SAÚDE PÚBLICA
Mulher internada com suspeita de dengue hemorrágica tem leishmaniose

É o primeiro caso do ano registrado em Araçatuba; paciente tem 38 anos e está na Santa Casa

Anunciante

Uma mulher de 38 anos, moradora da região central de Araçatuba, foi confirmada nesta terça-feira (12) como primeiro caso positivo de leishmaniose visceral de 2019. Ela está internada na Santa Casa, onde chegou com suspeitas de dengue hemorrágica, doença para a qual também foi submetida a exame, cujo resultado ainda não ficou pronto.

De acordo com a assessoria de imprensa da Santa Casa, a paciente chegou ao hospital com suspeitas de dengue hemorrágica após passar por atendimento na UBS (Unidade Básica de Saúde) Central, onde foi coletado material para investigação da doença.

Na Santa Casa, os médicos que tratam a paciente decidiram coletar material para que também fosse examinada a possibilidade de leishmaniose. Quadro que acabou se concretizando em meio à suspeita de que a paciente estava com outra doença. Ela segue hospitalizada ainda sem previsão de alta médica. O quadro clínico é estável.

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Araçatuba, em 2019 há o registro de apenas este caso da doença. Durante 2018, foram contabilizados 15 pacientes com leishmaniose. Ninguém morreu por conta da doença.


Anunciante
O 018News não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Copyright © 2018 018News. Todos os direitos reservados.