CIDADES
Anunciante
30% DO CORPO LESIONADO
Queimado em Kombi está em estado grave na UTI e aguarda transferência

Chamas causaram lesões de 3º grau em braços, tórax e face de servidor da Prefeitura de Araçatuba

Anunciante

É grave o estado do agente de serviços gerais da Prefeitura de Araçatuba, Silvio Carlos Gonçalves, que sofreu queimaduras na tarde desta sexta-feira (14), após a Kombi em que ele e outros trabalhadores da Sosp (Secretaria de Obras e Serviços Públicos) estavam, pegar fogo na avenida dos Araçás, no centro da cidade.

De acordo com boletim médico da Santa Casa, Silvio está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) aguardando vaga em um hospital referência no tratamento de queimaduras, para que ele possa ser transferido.

Silvio sofreu queimaduras de terceiro grau, conforme a assessoria da Santa Casa, em aproximadamente 30% do corpo, concentrando os ferimentos nos braços, tórax e na face. O quadro clínico é considerado estável pelos médicos, apesar de grave.

VISITA DO PREFEITO

No final da tarde desta sexta-feira, o prefeito de Araçatuba, Dilador Borges (PSDB), visitou Silvio, na Santa Casa, e também o servidor Valdivino Ribeiro Rodrigues, que está em observação no Pronto-Socorro Municipal, uma vez que sofreu ferimentos de menor gravidade.

A assessoria de imprensa emitiu nota dizendo que as queimaduras em Valdivino foram de primeiro grau e que Silvio teria sofrido lesões de segundo grau provocadas pelo fogo. Informação corrigida pela própria Santa Casa, indicando que o quadro clínico do paciente é mais crítico.

A Prefeitura de Araçatuba afirma estar prestando toda assistência necessária aos dois servidores que tiveram queimaduras e seus familiares. Silvio e Valdivino estavam na Kombi, do setor de podas e jardins da Sosp, com mais três funcionários, que não ficaram feridos.

Em nota distribuída à imprensa, sobre o incidente, ocorrido por volta das 14 horas desta sexta-feira, o secretário de Obras e Serviços Públicos, Constantino Alexandre Vourlis, disse que o veículo havia passado por manutenção recente. “Faz três ou quatro meses que essa perua, que foi fabricada no ano 2000, foi todinha revisada. O que aconteceu não foi por falta de cuidado. Foi mesmo um acidente, que poderia atingir qualquer veículo”, disse.

Para mecânicos da Sosp, o mais provável é que tenha havido problema com a mangueira do combustível, que pode ter sofrido ruptura e derramado gasolina sobre o motor, provocando a explosão do veículo e o incêndio. A Kombi era utilizada para transporte de funcionários e equipamentos por eles utilizados.

“Vamos aguardar o que a perícia vai dizer sobre as causas do acidente. Não há como dizer se foi isso ou aquilo. O que nos preocupa, agora, é cuidar dos meninos e dar toda a atenção que eles e suas famílias precisam”, disse Vourlis.

A ESCLARECER

Uma informação não relatada pela Prefeitura, mas passada ao Araçatuba e Região por servidores municipais que lidam com veículos que compõem a frota da administração municipal é que uma das portas da Kombi teria ficado travado no momento do incêndio, dificultando, assim, a rápida saída dos servidores do veículo.

Como o veículo era usado para o transporte de servidores e equipamentos usados em podas de plantas, existe a suspeita de que no interior da Kombi existissem galões com combustível usado em maquinas próprias para este tipo de serviço.


Anunciante
O 018News não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Copyright © 2018 018News. Todos os direitos reservados.