Política e Mais
Anunciante
VICE-GOVERNADOR RODRIGO GARCIA VOLTA À REGIÃO PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA

A criação da 'Região de estado de Penápolis' desvincula município de Araçatuba, atual sede regional

Anunciante

O vice-governador Rodrigo Garcia (Democratas) estará, nesta sexta-feira (06), na audiência pública que irá marcar a criação da “Região de Estado de Penápolis”. O encontro será a partir das 14h, no Penápolis Garden Shopping.

 

Esta é a segunda visita de Garcia à região em menos de um mês. Ele vem acompanhado do Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. Do evento devem participar vários prefeitos e autoridades desta região do Estado.

 

Caso a proposta da criação da “Região de Estado de Penápolis” seja aprovada, o município passará a ser sede de uma região, com a abrangência de outros cinco municípios. A medida ocasionara a desvinculação de Araçatuba que, atualmente, ocupa a sede regional. 


Audiências como esta têm sido realizadas em diversos locais no Estado e tem por objetivo manter as divisões existentes, considerando também o nível de integração regional entre os municípios.


PROPOSTA

A proposta foi desenvolvida com base em estudo feito em parceria com a Fundação Seade (Sistema Estadual de Análise de Dados). O estudo propõe a criação de uma nova microrregião que, segundo apurado, seria composta por Penápolis (sede), Barbosa, Luiziânia, Avanhandava e Alto Alegre. O município teria ainda iniciado tratativas com Glicério e Braúna para que também possam compor o grupo.

 

Em entrevista no final da manhã de ontem (4), na Rádio Ativa FM, o prefeito Caíque Rossi (PSD) explicou que a cidade vem se articulando, há algum tempo, para que possa atender os quesitos para se tornar uma sede regional. Caso concretize, Penápolis terá muito a ganhar, juntamente com os demais municípios participantes. “Quando se torna sede regional, os investimentos feitos pelo Estado são maiores. Esta é uma grande oportunidade em alcançar esta conquista”, destacou.

 

O prefeito destacou ainda que a proposta mostra a valorização do município junto ao governo estadual. “A oportunidade mostra o quanto somos bem vistos e importante para a região, principalmente, após outras conquistas alcançadas neste ano, mostrando a proximidade e a capacidade de continuar se desenvolvendo cada vez mais”, enfatizou.


ANDRADINA

Recentemente, o governo realizou, no final de julho, uma audiência em Andradina, que poderá se tornar sede de sua região. No estudo, além do município, estão incluídas as cidades de Auriflama, Castilho, Gastão Vidigal, General Salgado, Guaraçaí, Guzolândia, Ilha Solteira, Itapura, Lavínia, Mirandópolis, Murutinga do Sul, Nova Castilho, Nova Independência, Pereira Barreto, São João de Iracema, Sud Mennuci e Suzanápolis. Juntas, somam 236.087 habitantes, com um PIB (Produto Interno Bruto) de R$ 6,74 milhões. (Com Informações Ivan Ambrósio/Jornal Interior)
 


O 018News não se responsabiliza pelas notícias de terceiros.
Copyright © 2018 018News. Todos os direitos reservados.